CRÍTICAS, ANÁLISES, IDÉIAS E FILOSOFIAS EM GERAL A RESPEITO DE FILMES DE HORROR DE TODAS AS ÉPOCAS, NACIONALIDADES E ESTILOS, E MUITAS OUTRAS COISAS RELACIONADAS AO GÊNERO

quarta-feira, 10 de março de 2010

Os Garotos Perdidos (1987)

Homenagem a Corey Haim (1971-2010).


   Estas duas imagens são a contribuição do Jaime Palhinha para o tributo ao ex-ídolo teen Corey Haim. Observem o circuito de salas de cinema nas quais o filme estreou no estado de São Paulo: nada menos do que dez salas apenas na capital e mais cinco em cidades próximas, como Campinas e Santos. Isso serve para mostrar como o filme foi tratado como um grande lançamento na época.

10 comentários:

  1. Bem lembrado. Gostei dele neste filme e em A HORA DO LOBISOMEM [Silver Bullet]. O garoto me lembrava alguns personagens dos filmes infanto juvenis da Disney nos anos 60.

    ResponderExcluir
  2. Verdade, Cayman, vi A HORA DO LOBISOMEM no cinema e gostei bastante. Quando revi, enxerguei mais as falhas (sempre me incomodaram os lobisomens que mais parecem ursos!), mas é um filme divertido.

    O que as pessoas com menos de 30 anos talvez não saibam é que GAROTOS PERDIDOS foi um fenômeno pop comparável ao que CREPÚSCULO é hoje. A diferença é que as 'tribos urbanas' daquela época eram mais interessantes; era a época do pós-punk e os jovens estavam naquela da busca da identidade. Os vampiros do CREPÚSCULO são o perfeito retrato da geração 'emo', e isso diz tudo.

    Coloquei a abertura do filme porque tem a música "People Are Strange", dos Doors, interpretada pelo Echo & The Bunnymen. Não gosto da bandinha oitentista, mas adoro Doors; inclusive, vejam como o Jason Patrick é a cara do Jim Morrison! (Ele é o rapaz sentado no banco traseiro do carro; o Corey Haim é o menino no banco da frente.)

    ResponderExcluir
  3. Carlos, quando você disse que as tribos urbanas daquela época eram mais interessantes, suspirei de alívio. Tenho que respeitar a opinião alheia de quem só teve [hoje em dia] a oportunidade de cultuar CREPÚSCULO, mas, já pensou Kiefer Sutherland, Jason Patrick e Corey Haim, num filme desses e naqueles tempos? Alguns dos que estavam lá, devem ter um "troço" só de imaginar... mas, a mídia é assim, não é? E alienação à base do "Frescurra também é culturra, como dizia o frrancês" é um prato do dia que me recuso a comer. Queria só que alguns realizadores e fãs revissem os filmes do gênero que o falecido fez.

    ResponderExcluir
  4. Cayman, então aqui está a filmografia de horror de Corey Haim:

    A HORA DO LOBISOMEM (Silver Bullet, 1985) Dir.: Daniel Attias
    OS GAROTOS PERDIDOS (The Lost Boys, 1987) Dir.: Joel Schumacher
    WATCHERS: O LIMITE DO TERROR (Watchers, 1988) Dir.: Jon Hess
    A MALDIÇÃO DO LAGO (Fever Lake) EUA, 1996. Dir.: Ralph Portillo
    THE BACK LOT MURDERS (2002) Dir.: David DeFalco
    OS GAROTOS PERDIDOS 2: A TRIBO (Lost Boys: The Tribe, 2008) Dir.: P.J. Pesce

    Destes, só não vi THE BACK LOT MURDERS, que parece ser inédito por aqui.

    ResponderExcluir
  5. Pô "Watchers"... Nem me lembrava mais desse! "A Hora do Lobisomem" também assisti no cinema, depois revi no sbt... Acho que é o tipo de filme que funciona melhor na telona, de qualquer modo estou a cata do dvd dele (se não me engano foi lançado em versão nacional, não?), e o Everett Mcgill é um dos padres mais sinistros que já vi! Quanto ao Haim, realmente lamento sua morte, foi um dos ícones da minha pré-adolescência, assim como o John Hugues (que também que já foi...), o Spielberg, entre tantos outros que fizerem minha alegria em matinés. Agora, o Corey Feldman que se cuide!!!

    ResponderExcluir
  6. Outro que se foi esses dias foi o Charles B. Pierce. Esse também merece uma mençãozinha. ;)

    ResponderExcluir
  7. Essas propagandas brasileiras dos filmes são sempre ótimas, obrigado por postá-las e pelo Jaime Palhinha por disponibilizá-las.

    ResponderExcluir
  8. Um filme de Richard Donner? Bom tempo em que ninguém sabia quem era Joel Schumacher...

    ResponderExcluir
  9. Thomaz, também achei curioso isso. Certamente foi para aproveitar o sucesso de OS GOONIES, que o Richard Donner tinha lançado pouco antes. O toque de ironia é que provavelmente o cartaz de OS GOONIES devia anunciar "um filme de Steven Spielberg", hehehe.

    ResponderExcluir
  10. "Ser vampiro é um barato!" Boa essa, nossa... que loucura ter esses recortes, adorei!
    Uma pena mesmo sua morte.. e na ocasião da notícia o site globo.com mostrou por onde andam os atores do filme Garotos Perdidos http://ego.globo.com/Gente/Noticias/0,,MUL1526514-9798,00-POR+ONDE+ANDAM+OS+ATORES+DE+OS+GAROTOS+PERDIDOS.html

    Só não mostrou por onde andam os amigos vampiros do Kiefer, eu bem tava curiosa, porque na época achava tãão charmosos! :)

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails

Canal Cine Monstro Rock Horror Show!!